Relações Internacionais

Universidade
Autónoma de Lisboa (UAL)
Nível
Doutorado, Mestrado

O Mestrado e Doutorado em Relações Internacionais da Universidade Autônoma de Lisboa (UAL) está estruturado compreendendo a realização de 120 créditos ECTS, tendo sido constituído pela Resolução nº 261/2013 – 2ª série – Nº 143 – publicada no Diário da República de 26 de julho de 2013. O Mestrado encontra-se reconhecido pela Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior de Portugal (NCE/12/00151).

O curso está orientado para a progressiva articulação entre o ensino/aprendizagem e a prática da investigação científica. A parte letiva encaminha para a elaboração de uma dissertação e esse objetivo está presente nos conteúdos e nos métodos das várias Disciplinas e Seminários.

A relação com a pesquisa científica é potenciada pelo Centro de Investigação OBSERVARE – Observatório de Relações Exteriores – da UAL do qual fazem parte todos os docentes do mestrado. O centro está estruturado em três linhas de investigação onde decorrem diversos projetos, nomeadamente:

  • Estudos de Segurança, da Paz e da Guerra
  • Espaços Econômicos e Gestão de Recursos
  • Povos e Estados – Construções e Interações
  • Dimensão Externa da Segurança Interna

Os mestrandos e doutorandos são encorajados a desenvolver trabalhos de investigação enquadrados nestas linhas (apesar de este não ser um requisito obrigatório) e podem beneficiar-se da orientação (ou co-orientação) de investigadores especialistas membros do OBSERVARE. Adicionalmente, o OBSERVARE mantém duas revistas periódicas que podem ser uma plataforma de publicação da investigação dos pós-graduandos, nomeadamente: o Anuário JANUS e a Revista Científica JANUS.NET, e-Journal of International Relations (indexada na SOCPUS, B-ON, Dialnet, Latindex, DOAJ, EBSCO e Redalyc).

Contudo, tal ligação à investigação em nada prejudica, antes reforça, a aquisição de competências para o exercício de profissões que exigem esta especialização. Os futuros Mestres em Relações Internacionais ficam particularmente habilitados a seguirem a carreira diplomática, ou a serem funcionários de organismos internacionais, bem como de organizações não-governamentais, ou jornalistas especializados na área internacional, consultores de internacionalização de empresas, militares para intervenções no estrangeiro, ou assessores de departamentos de relações internacionais na administração central ou em autarquias.

Quanto às potencialidades do Doutoramento, predomina o direcionamento para a investigação avançada, dando prioridade à problematização e à inovação teórica, de modo que as futuras teses de doutoramento possam efetivamente contribuir para o avanço neste campo do saber, ou seja, nesta área científica das Relações Internacionais que se tem consolidado na sua autonomia, mas também na sua interação com outras disciplinas.

Mestrado

Módulo 1

● História do Pensamento em Relações Internacionais
● Tendências do Direito Internacional
● Dinâmicas Geopolíticas Internacionais
● Tendências da Economia Mundial
● Análise de Políticas Externas

Módulo 2

● Governaça e Multilateralismo
● Dinâmicas Sociais Transacionais
● Seminários sobre Questões de Segurança
● Seminário sobre a Internacionalização da Economia
● Seminário de Investigação

Doutorado

Módulo 1

● Seminário sobre Questões Epistemológicas, Metodológicas e Analíticas.
Coordenadores: Profs. Doutores Luís Moita e Ricardo Sousa.

Objetivos:
Tipificar e caracterizar as fontes de informação no domínio científico das RI;
Integrar as questões epistemológicas das RI no contexto geral dos paradigmas científicos das ciências sociais;
Abordar os métodos contemporâneos mais utilizados em RI e evidenciar aplicações práticas;
Inventariar os diversos níveis de microanálise e macroanálise em RI;
Recensear as grandes divergências epistemológicas, metodológicas e analíticas no domínio
científico das RI.

● Seminário sobre Questões de Geopolítica e Segurança Internacional.
Coordenadores: Profs. Doutores Luis Tomé e Filipe Vasconcelos Romão.

Objetivos:
Compreender e analisar as dimensões e dinâmicas da geopolítica mundial e da segurança internacional à luz das abordagens e evoluções mais recentes, tanto ao nível global como local ou regional;
Relacionar várias subáreas científicas associadas às RI – Geopolítica, Estudos de Segurança, Estudos Estratégicos e Estudos para a Paz -, estabelecendo um quadro interdisciplinar e uma rede transnacional de análise;
Aprofundar o conhecimento e debater conceitos e teorias, bem como as suas evoluções e operacionalidade;
Refletir sobre as influências da geografia e da história nas percepções e nos comportamentos políticos;
Entender a estrutura de poder, as agendas de segurança e as políticas e estratégias dos principais setores;
Problematizar os vectores de cooperação e de conflito na política internacional e regional (da área Euro-Atlântica à Ásia-Pacífico), bem como as interações entre os níveis local, regional e mundial.

Módulo 2

● Seminário sobre Geoeconomia e Transnacionalização das Economias.
Coordenadores: Profs. Doutores Miguel Santos Neves e Eduardo Cardadeiro.

Objetivos:
Conhecer profundamente metodologias analíticas ligadas à crescente relevância da geoeconomia nas RI e sua interação com a geopolítica.
Analisar as dinâmicas da globalização nas suas múltiplas dimensões, a sua interação com o processo de localização associado às redes de conhecimento, e o impacto sobre os Estados face ao crescente poder de atores não-estatais.
Compreender as causas e efeitos da redistribuição de poder econômico, os fatores determinantes da ascensão das economias emergentes e os mecanismos de projeção do seu poder.
Capacidades de avaliação das potencialidades e limitações das respostas dos Estados aos novos desafios, designadamente ao nível da regulação, da integração econômica regional, da diplomacia econômica e da reforma dos modelos de governação.
Desenvolver capacidades de investigação numa perspectiva interdisciplinar e competências específicas para análise crítica de opções de política pública e das estratégias do setor privado.

● Seminário de Investigação
Coordenadores: Profª Doutoras Brígida Brito e Nancy Gomes

Objetivos:
Aquisição de conhecimentos aprofundados sobre metodologias de investigação;
Aprofundamento dos conhecimentos sobre as técnicas de concepção de um projeto de pesquisa;
Aquisição de competências relativamente às linhas orientadoras e aos princípios gerais a observar na redação da tese;
Aprofundamento de temáticas específicas que constituam objeto de investigação;
Aquisição de competências no que diz respeito à capacidade de exposição, argumentação e debate de ideias;
Desenvolvimento da capacidade de interiorização de críticas e sugestões apresentadas em sessões de debate dos projetos de tese.

O processo de seleção é estruturado envolvendo avaliação das competências, habilidades e atitudes, além dos valores e motivação do aluno.

É importante saber

Após todas as aulas e aprovação em todas os seminários, o aluno apresentará seu projeto de tese e fará a qualificação na Sede da Universidade.

Após aprovação do projeto, o aluno iniciará a elaboração da tese e fará a defesa da mesma na Sede da Universidade, presencialmente. Tudo dentro dos prazos estabelecidos no regulamento.

Haverá pagamento de taxas fixadas pela UAL, em caso de pedidos de prorrogação de prazo de entrega dos trabalhos finais.

As datas mencionadas acima podem ser alteradas a critério da Universidade.

Universidade Autónoma de Lisboa

Confira AQUI.

Com o desejo que possamos tê-lo (a) como discente, esteja à vontade para entrar em contato através dos telefones: 0800 282 8180 OU 0800 022 6161 // Whatsapp (21) 98721-5683.

Matriculando-se com antecedência, você pode PLANEJAR seu orçamento e usar a ESTRATÉGIA de parcelas menores para a quitação do curso e menos taxas nas reservas de viagem.

WhatsApp Atendimento